Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dentes brancos

por Clara, em 18.04.18

Alguém me fala sobre isto do Zebra, o carvão que branqueia dentes? Resulta? Não é demasiado abrasivo? As restaurações aguentam-se?...

Vocês, contem-me tudo o que sabem. 

Estou cheia de reticências mas com vontade de experimentar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Farmácias online, além fronteiras

por Clara, em 22.03.18

Há uns tempos li um artigo que falava da possível poupança em compras nas farmácias online, sendo que inclusivamente era feita a comparação de preços entre Portugal e Espanha e, na sua maioria, comprar em farmácias espanholas compensava e muito.

Ora, eu sou uma pessoa que gosta dinheirinho em hidratantes específicos para a pele dos pimpolhos. Um tem pele atópica, o outro está a seguir-lhe as pisadas. 

Experimentei fazer uma encomenda numa dessas farmácias (optei pela Morlán) e dois dias depois tinha os meus produtos em casa. Pelo preço de 1 embalagem de leite emoliente da marca Uriage, em Portugal, comprei duas em Espanha, e ainda recebi amostras de 1 bbcream, shampoo e creme de rosto.

Nota 10!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A melhor das notícias

por Clara, em 04.05.17

A propósito deste post, fiquei emocionada quando li no facebook da Maria que está encontrado o seu "super-herói". Que notícia maravilhosaaaaaaaaaaaaaaaaa!

@SalvaraMaria

Autoria e outros dados (tags, etc)

Do DIU

por Clara, em 27.04.17

Et voilá, cá estamos, já com um novo corpo dentro do meu próprio corpo. Assustador, não é? Não é nada, descanse quem estiver desse lado, a pesquisar sobre o assunto e que, por mero acaso, veio aqui parar.

Bom, obviamente que nem tudo se dá com a facilidade e descontracção de quem vai beber um café, mas também não é o terror dos terrores. Ah, e a embalagem do DIU (pelo menos, do Mirena) tem um efeito dissuasor pelo seu tamanho mas vai a ver-se e, afinal, aquilo é mesmo pequeno e parece inofensivo. Portanto, não desistam logo aí.

A introdução propriamente dita é, digamos, desconfortável. E dói. Um bocadinho, mas dói. Claro que ficar nervosa não ajuda, o ideal é ir respirando fundo várias vezes e relaxar os músculos.

O meu útero foi (e continuará a ser) um bocadinho sacana! Tem uma forma um pouco diferente do habitual e, até o médico perceber isso, as sucessivas tentativas não produziam o feito desejado. Uns 15 ou 20 minutos depois, finalmente, estava no sítio.   

Agora só daqui a 5 anos é que volto a preocupar-me com a assunto, se me lembrar, claro. Não é fantástico?

Mentira. Daqui a 3 meses volto ao consultório para avaliar a ligação estreita que deverei, entretanto, criar com o DIU.

Olhem, que o tipo não me dê muitas chatices e efeitos secundários, é só o que eu lhe peço. Se assim for, temos todas as condições para que a relação perdure!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

DIU

por Clara, em 18.04.17

Alguém desse lado quer partilhar as vantagens do DIU? Pronto, digam-me só que não dói, o resto logo se vê.

Eu prometo que venho cá contar a minha experiência (ou antes, o meu tormento), agendada para daqui a 1 semana. Credo, que estou a contar os dias!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dador de medula óssea

por Clara, em 15.03.17

A desculpa era sempre a mesma, a falta de tempo. Ausentar-me do trabalho (quando já o tenho feito inúmeras vezes porque os filhos assim o exigem) não era opção e, ao fim-de-semana, sejamos francos, queremos é tempo em família e coisas assim.

Soube da história da Maria através das redes sociais e, se ficamos sensibilizados quando qualquer pessoa enfrenta assim uma batalha, quando se trata de bebés e crianças, o choque é ainda maior. Digam-me lá se não levamos um valente murro no estômago quando nos deparamos com isto? Eu tenho um filho da mesma idade e não consigo sequer imaginar... Só que, lá está, na altura ficamos chocados mas depois o tempo passa e já nem nos lembramos que podemos ser a "agulha no palheiro" e que vale mesmo a pena tentar ajudar.

E, senhores, é tão simples quanto isto. De Norte a Sul há imensos locais de colheita onde se podem inscrever como dadores de medula óssea. Está tudo na página da Maria ou então na APCL, bastam 5 minutos a pesquisar. Foi isso que eu fiz e, assim que vi um evento agendado para o fim-de-semana, perto de casa, não hesitei. Lá fui, com a família atrás, na manhã de domingo. Tinha lido uma dica nos comentários do facebook de outros potenciais dadores quanto à possibilidade de imprimir o formulário de inscrição na página da APCL e levá-lo já preenchido para encurtar o tempo (mas quem não quiser fazê-lo, pode obviamente prencher no local). Quando fui atendida (calhou-me na rifa uma senhora muitíssmo mal disposta e que revirou os olhos quando lhe pedi a caneta só para corrigir um contacto!!!) disse que só pretendia fazer inscrição para dador de medula, isto porque estavam também a registar dadores de sangue. Dali passei imediatamente para uma enfermeira que me fez a colheita de um tubinho de sangue e... e mais nada. É só isto! Se custa, se dói? Eu, pessoalmente, não senti qualquer dor e, convenhamos, o que é uma picada de uma agulha perto da agonia e sofrimento de quem procura, a cada minuto, quem lhe salve a vida.

Façam-no também. Por todos os que precisam!

E, aos que precisam, que rapidamente encontrem. 

Que a Maria encontre  

@SalvaraMaria

   

Autoria e outros dados (tags, etc)

É tudo o que me apetece

por Clara, em 21.12.16

Depois de um dia de trabalho, e numa semana que teima em não passar (isto é a ansiedade que chegue o Natal), tudo o que me apetece é seguir da empresa para o consultório médico fazer o papanicolau. 

Convenhamos, ser mulher não é fácil!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Terapia

por Clara, em 06.05.15

Iniciei há dias uma terapia. Tratando-se de uma terapia física sabemos o quão determinante é o papel do terapeuta no alcance dos objectivos. Um dia falo sobre isto, hoje quero só realçar que me calhou em sorte (gosto desta expressão, desculpem-me se a uso demasiadas vezes) uma mulher. Nada contra mas acho que os homens primam por uma outra sensibilidade no que toca a massagens. Homens giros então... 

Autoria e outros dados (tags, etc)


A escrita é o meu espelho e, se querem saber mais sobre mim, basta que consigam ver-me para além dele.

foto do autor



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D




Pesquisar

  Pesquisar no Blog