Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A "distâncianet" que nos separa

por Clara, em 22.09.17

Gosto de afectos! Sou de mimos, de toque, de presença, de coração aberto e preocupado com tudo e com todos os que me dizem respeito.

Sou de telefonemas, de mensagens, de palavras, e até de imagens, mas dirigidas à pessoa e não ao mundo inteiro.

E, cada vez mais, sou de contacto directo, de beijos, de abraços apertados que quase cortam a respiração.

O mundo virtual dá um pontapé nisto tudo e transforma as pessoas em frases soltas e em fotografias com filtros! Tenho uma das minhas pessoas a viver a anos luz de distância. São muitos os quilómetros que nos separam, mas toda a gente diz "hoje é fácil ser emigrante, com a internet..." Não há dia que não tenha notícias dela, verdade, mas as notícias não são para mim porque não é comigo que ela fala. Ela comunica através da partilha de frases feitas e de fotos a fazer boquinha de pato. Nem em dias especiais ela abandona as redes sociais. De que me serve um parabéns escritos com letra bonita e olhos em forma de coração? "Saudadesssssss", escreveu ela, num post que já conta com muitos likes

Eu gosto de afectos, já disse?! E preocupo-me, e sofro, e carrego os problemas dela, e tento resolver, e ajudo, e estou lá quando chama.

Nem o telefone tocou em dia de aniversário...

Primeira resolução para 2018. Eu, em primeiro lugar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Showroomprive, not again!

por Clara, em 05.06.17

Tem grandes descontos, grandes marcas, bla bla bla, pardais ao ninho.

A minha primeira compra aconteceu e não aconteceu, passo a explicar. Registei-me, fiz uma encomenda, paguei e quase um mês depois recebi um e-mail a explicar que havia sido cancelada por razões alheias, da responsabilidade do fornecedor. Uiiiii, fiquei um bocadinho irritada! Sabia que, mais cedo ou mais tarde, isto das compras online tinha que correr mal!

Mas, bom, insisti. Voltei a efetuar uma segunda encomenda e essa sim chegou-me às mãos, embora 28 dias depois. Uma mala e um colar, a primeira com manchas, o segundo sem brilho absolutamente nenhum, o que denuncia que estariam guardados nos confins dos armazéns, sem ver a luz do dia há uns anos.

Que desilusão! Os prazos são manifestamente maus, esperar um mês por uma encomenda não me parece nada razoável, e pior do que isso é não fazer essa espera valer a pena.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Em tempo de paz

por Clara, em 28.11.16

E porque a paz interior é bem mais importante, e porque temos o privilégio de escolher quem queremos nas nossas vidas, e porque eu gosto de partilhar as minhas coisas apenas com quem tem um lugar no meu coração... (este post estava muito bonito e inspirador até aqui mas agora poderão perceber um certo desdém da minha parte, que não é por acaso), removi alguns amigos do meu Facebook. Verdade!

Sei que não deve ser lá muito bonito perceber que se foi rejeitado, eliminado, enfim, até porque nesse momento a pessoa há-de cair em si e perguntar-se, caraças, que andei eu a fazer para ser banido, ficando, porém, sem resposta.

Pois então, estamos a entrar num mês que é tão especial e eu quero muita paz e sossego para a minha vidinha. Estou a modos que cansada de ver tanta porcaria por esse facebook fora, e mais, estou cansada de vê-los, palavra! Passo meses a fio sem lhe pôr os olhinhos em cima, mas no mundo virtual não há dia em que não me cruze com eles. Não quero mais, simples assim!

Olhem e às tantas fiz só um favor a mim mesma, que eu não gosto de ter ali pessoas que só fazem parte da minha vida virtualmente. Pagava para ver a expressão, e pagava bem!

Bye, bye, cunhadinhos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Admiro profundamente as pessoas que lamentam (lá nos tão famosos grupos e fóruns de grávidas e mães...) a falta de dinheiro para roupas, móveis e até medicamentos como que em forma de peditório. Lá vêm umas quantas voluntárias doar aquilo que já não usam ou necessitam e a coisa compõe-se. Muitos agradecimentos e partilhas e tudo e tudo.

Dias depois, as mesmas pessoas, tão necessitadas, comentam outros posts, manifestando preocupações, diria eu, ainda mais sérias, como o facto de não saberem se optam pela compra da bimby, da yammi ou da nova máquina de cozinha do pingo doce (passo esta publicidade toda) para preparar as refeições dos seus pimpolhinhos.

O maravilhos lado B do ser humano...

Autoria e outros dados (tags, etc)

O melhor de dois mundos

por Clara, em 06.08.15

Se os fóruns de mães & bebés são, por vezes, verdadeiras relíquias, os grupos de facebook não ficam nada atrás. E, sim, encontram-se por lá verdadeiras pérolas nisto de escrever "bom português". Agora, quando se erra o nome dos próprios filhos já é... olhem, nem sei... Ora, vejam:

Screenshot_2015-08-06-16-32-42.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Detentoras de certezas absolutas

por Clara, em 12.06.15

Os fóruns onde se debatem e partilham histórias sobre filhos, gravidez, maternidade e afins podem ter a sua utilidade, sim senhor mas, na minha perspectiva, só mesmo enquanto espaço de troca de opiniões e experiências. Nunca, mas mesmo nunca, devem ser encarados como verdadeiros consultórios médicos. E quem por lá passa há-de concordar que, por vezes, é surreal o que se lê.

Bom, eu cá não teria muito fé numa resposta de alguém que se despede com "Beijinhos férteis".

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pedido especial

por Clara, em 29.05.15

Exmos. Srs. Administradores de sites de hotéis, resorts, agências de viagens e afins,

dá para fazerem o especial favor de retirar a música de fundo da vossa página na internet, dá, dá?

Eu posso estar deseperadinha por férias mas vou continuar a fechar imediatamente o vosso site enquanto não retirarem essa puta dessa música, toda zen e coisa e tal. Porquê, senhores, porque é que insistem nisso?

Coisinha tão irritante!

Autoria e outros dados (tags, etc)


A escrita é o meu espelho e, se querem saber mais sobre mim, basta que consigam ver-me para além dele.

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D




Pesquisar

  Pesquisar no Blog