Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Podia contar aqui como foi a passagem de ano e coisa e tal mas atendendo ao enfandonho do momento acho melhor pôr uma pedra no assunto. Vou, antes, falar-vos de algo que me intriga verdadeiramente, os lápis. Ou melhor, as pontas dos lápis. O que sobra do lápis, digamos. É que mesmo levados ao limite (uso os meus lápis até já não conseguir escrever decentemente com eles ou até já não conseguir afiá-los) sobram sempre uns 4 ou 5 cm de lápis, que não tem outro destino senão o caixote do lixo. E custa-me este gesto de pôr o pobre lápis no lixo, porque ainda tem ali material passível de ser usado e isso intriga-me verdadeiramente.

Há assim algum uso que se possa dar e que eu não esteja a ver? Ainda sai daqui uma ideia de negócio, querem ver?

Ah! E bom ano. 

2015 será um bom ano, quero acreditar que sim.

Autoria e outros dados (tags, etc)



A escrita é o meu espelho e, se querem saber mais sobre mim, basta que consigam ver-me para além dele.

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D




Pesquisar

  Pesquisar no Blog